Em 11 dias úteis, embarque de carne suína de abril/21 atinge mais de 80% do total registrado em abril/20

Publicado em 19/04/2021 15:48 154 exibições
Velocidade nos embarques se dá pelo "efeito China", segundo analista, e a previsão é que abril de 2021 supere os resultados de abril de 2020

LOGO nalogo

De acordo com informações da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Governo Federal, divulgadas nesta segunda-feira (19), as exportações de carne suína fresca, congelada ou resfriada nos primeiros 11 dias útes de abril já ultrapassaram em mais de 80% tanto a arrecadação quanto o volume embarcdo em todo o mês de abril de 2020.

Segundo o analista da SAFRAS & Mercado, Fernando Henrique Iglesias, os resultados positivos neste mês seguem tendo como motivação principal a China comprando agressivamente.

"Houve uma pequena redução no comparativo semanal, o que é normal depois de duas semanas de aumento. Apesar disso, a expectativa é que este mês de abril supere abril de 2020, e que o Brasil embarque mais de 100 mil toneladas de carne suína", disse. 

A receita obtida com as exportações de carne suína até agora neste mês, US$ 130.700,387, representa 84,9% o montante obtido em todo abril de 2020, que foi de US$ 153.964,123. No caso do volume embarcado, as 51.863,99 toneladas são 82,4% do total exportado em abril do ano passado, montante 62.900,045 toneladas. 

O faturamento por média diária neste início de abril foi de US$ 11.881,853, quantia 54,35% maior do que abril de 2020. No comparativo com a semana anterior, houve queda de 3,33%.

No caso das toneladas por média diária, foram 4.714,908, houve alta de 49,92% no comparativo com o mesmo mês de 2020. Quando comparado ao resultado no quesito da semana anterior, observa-se recuo de 3%.

Já o preço pago por tonelada, US$ 2520,060 neste mês de abril, é 2,95% superior ao praticado em abril passado. O resultado, frente ao valor atingido na semana anterior, representa leve baixa de 0,3%.

Por:
Letícia Guimarães
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário