Ovos: preços involuíram no decorrer da primeira quinzena, ao contrário do que era esperado e do histórico do período

Publicado em 14/05/2021 09:56 24 exibições

Se próximo do encerramento da semana passada se acreditava que a evolução de preços na comercialização de ovos brancos e vermelhos seria mais tardia, no decorrer desta semana, a expectativa não se confirmou. Muito pelo contrário. O mercado permaneceu fragilizado por excedentes e os produtores sofreram duas baixas de preços nos negócios realizados.

O último dia de negócios da semana e da primeira quinzena não trazem nenhum fator positivo que traga novo alento aos produtores. Assim, a manutenção das cotações já será bom negócio para os produtores que, nesse momento, recebem menos de uma saca de milho por caixa de ovos brancos comercializada na base de produção.

Por ora, o preço médio recebido alcança apenas 96,4% do valor recebido na abertura de maio, equivalendo a involução de 3,6%. A média histórica dos últimos treze anos indica que nesse momento do mês, a evolução dos preços atinge quase 10%, sendo que no ano passado, os índices foram ainda maiores.

Infelizmente, encerrando o que deveria ser o melhor momento do mês para os negócios, não se espera novidades para o restante de maio. Os produtores seguem efetuando descartes visando encontrar maior equilíbrio entre oferta e demanda.

Fonte:
OvoSite

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário