Negociação com setor de grãos sobre taxas sanitárias continuam

Publicado em 29/11/2012 10:09 252 exibições
Setor de grãos não fecha consenso de contraproposta ao governo. Negociações continuam, mas têm prazo limite até segunda-feira.
Entidades representantes do segmento de grãos se reuniram na manhã desta quarta-feira (28/11), na sede da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), para fechar uma contraproposta ao Projeto de Lei n° 188-G - que trata do reajuste das taxas de defesa agropecuária no estado. As negociações não chegaram a um consenso e se estenderão até o fim da semana. Todas as entidades ligadas ao setor de grãos no estado foram convidadas a participar da mesa de negociações e compareceram à reunião a Associação Goiana dos Produtores de Sementes (Agrosem), Seagro e Agrodefesa.

De acordo com o presidente da Faeg, José Mário Schreiner, ao se chegar a um consenso, a contraproposta da área de grãos será acrescentada ao documento que está sendo elaborado pela entidade, no qual já constam os consensos das áreas de avicultura, suinocultura, algodão e cana-de-açúcar e pecuária de corte, fechados segunda (26/11) e terça-feira (27/11). O documento final será apresentado na terça-feira (04/12) durante votação do Projeto de Lei em Plenário, na Assembleia Legislativa. Ele subsidiará as emendas ao Projeto.
Tags:
Fonte:
Faeg

0 comentário