Produtores estão inserindo cacau a pleno sol no sul da Bahia

Publicado em 23/01/2013 17:01
1492 exibições
Um projeto desenvolvido por franceses tem inovado a região sul da Bahia. Denominado Projeto Ouro Verde, o empreendimento visa aliar sustentabilidade e alta produtividade, diversificando culturas e modificando a forma de produção de cacau. 

Região tradicionalmente conhecida pela produção do Cacau Cabruca (um termo regional empregado para caracterizar uma forma de plantio de cacauais em baixo de árvores remanescentes) recebeu no município de Santa Luzia, a primeira produção de cacau a pleno sol. O cultivo é 100% irrigado e visa ser modelo para outras áreas. 

O projeto iniciou há 2 anos, com investimento francês, que acreditando no futuro da agricultura brasileira, busca aliar alta produtividade, valorização da mão-de-obra no campo e sustentabilidade. Unindo três culturas permanentes: café, cacau e coco, sendo que a cultura do mamão que é temporária entra na área do café, e a banana na área do cacau ¬, o projeto quer garantir renda durante todo o ano. 

De acordo com o Engenheiro Agrônomo, Silvino kruscheswsky, o modelo é único na região, já que foi escolhida uma área de pasto para implantação. Esse projeto todo é baseado em uma agricultura de alta tecnologia, mecanizada, com irrigação e fértil-irrigação, para que a gente possa conseguir o máximo em produtividade dentro das possibilidades do clima e solo da região. 

Serão plantados 50 hectares com o cacau, com uma expectativa de produzir acima de 200 arrobas por hectare, trabalhando também com cacau para produção de chocolate fino. 
Tags:
Fonte: Mercado do Cacau

Nenhum comentário