Conab passa a comprar feijão tipo três a partir de 14 de julho

Publicado em 02/07/2014 12:07 465 exibições
Informação foi repassada ao deputado Assis do Couto pela Conab durante uma reunião realizada nesta quarta-feira

Na manhã desta quarta-feira (02), o deputado federal Assis do Couto esteve na Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) para debater políticas de mercado na compra do feijão no Paraná. Assis conversou com João Intini, diretor de política agrícola da Conab. O vice-prefeito de Cruzeiro do Iguaçu, Reni Kovalski, também participou da reunião.

“O preço do feijão no mercado está muito baixo. O governo está comprando pouco e faltam armazéns para guardar o produto. A própria Conab não possui mais armazéns na região e os armazéns particulares já estão lotados com soja ou milho. Tivemos uma supersafra de feijão na região e temos muita cobrança dos agricultores que não tem onde vender ou descarregar o produto”, contextualizou o deputado.

O vice-prefeito Reni reiterou a dificuldade dos agricultores no seu município, que é tradicional no cultivo do feijão. “Temos bastante produção e a dificuldade é grande tanto na secagem, armazenamento e comercialização do produto”, complementou. “E é importante dizer que esta não é uma dificuldade apenas do nosso município, mas também de agricultores de toda a região”, disse.

Boa parte do feijão no Paraná está classificado entre os níveis 2 e 3 de qualidade. Atualmente, a Conab através do PAA (Programa de Aquisição de Alimentos) não compra feijão do tipo três. No entanto, de acordo com Intini, a partir do dia 14 de junho a companhia estará autorizada a comprar o feijão tipo três.

“Poderemos fazer a compra direta pelo PAA. E este feijão tipo três, que também é um feijão bom para o cozimento, será encaminhado para escolas e hospitais”, acrescentou Intini. 

Tags:
Fonte:
AI Dep. Assis do Couto

1 comentário

  • João Alves da Fonseca Paracatu - MG

    Sr.Dalzir,me socorra,a assessoria do deputado Assis do Couto diz que a CONAB vai comprar feijão tipo 3,ora bolas ,aqui em Paracatu e Unaí tem um monte de feijão tipo 1 e nem se levarmos o mesmo para Uberlândia(400Km),temos a garantia da compra daqueles 700 scs por produtor e olha que estamos lutando com isto desde o começo do ano,a cara de pau destes políticos não tem limites.

    0