Mercados "subestimam" a chance de uma maior demanda de cacau

Publicado em 12/12/2016 11:17
80 exibições

A queda dos preços do cacau pode estimular a demanda do produto, com margens de processamento em seus níveis mais altos em anos, de acordo com a analista Judith Ganes-Chase, em entrevista ao site Agrimoney.

Ganes-Chase disse que o mercado está "subestimando" a escala de processamento atual do cacau, sugerindo que o tamanho do superávit de mercado deste ano pode ser menor do que o esperado.

Os preços do cacau em Nova York estão em seu nível mais baixo dos últimos três anos, sob pressão de uma superssafra no oeste da África.

"Muitos observadores no mercado estão aguardando por um excesso de oferta considerável na safra 2016/17", acrescentou o Commerzbank.

Mercados em queda

Os preços caíram quase 30% desde meados de agosto.

"Houve pouca informação para sugerir que as culturas ficarão aquém das projeções e isso certamente colocou um obstáculo para o mercado", disse Ganes-Chase.

Os preços pagos aos produtores também devem ser "excelentes", de acordo com a analista.

Potencial de consumo mais elevado

Ganes-Chase, no entanto, não acredita que uma grande safra de cacau deva significar também um excesso de oferta.

Ela acredita que, à medida em que os preços caírem, as margens de processamento devem se tornar bastante atrativas, absorvendo o excesso de grãos de cacau.

"Eu acredito que o mercado está subestimando a utilização dos grãos e que, portanto, o superávit parece ser muito maior do que estima-se que venha a ser", apontou.

Tradução: Izadora Pimenta

Fonte: Agrimoney

0 comentário