Argentina tem o trigo mais barato do mundo

Publicado em 28/12/2016 17:52
469 exibições

A produção de trigo na Argentina está se expandindo depois que o imposto sobre a exportação do cereal foi revogado no país. Além disso, a colheita deverá ter um aumento de 35% neste ano.

Esses fatores levam a Argentina a possuir o "grão mais barato do mundo", desbancando mercados como a Rússia e os Estados Unidos, que são os maiores exportadores, na hora de conseguir uma maior presença nos mercados do Egito e da Argélia. Outros envios para Bangladesh e Vietnã também são esperados.

As exportações estão se acelerando antes do previsto a um máximo de nove anos neste mês, segundo a consultoria Big River, com sede em Rosário, na Argentina.

"O trigo que a Argentina cultiva é trigo de alta qualidade para pão, assim, é possível competir em qualquer parte', disse Ben Buckner, analista de trigo para a empresa de pesquisa AgResource. "A Argentina tem o trigo mais barato, de 5 a 10 dólares a menos do que Estados Unidos e Rússia".

O Egito, que é o maior importador do mundo, comprou 120.000 toneladas de trigo argentino em uma licitação na última terça-feira (17). Foi a primeira vez que o grão do país sul-americano esteve compreendido nas licitações do Egito desde fevereiro.

As exportações de trigo da Argentina provavelmente devem chegar a 1,2 milhões de toneladas em dezembro, as maiores desde 2007, de acordo com Guillermo D. Rossi, analista da Big River. No entanto, elas começam a cobrar ritmo para janeiro e fevereiro. "Não era comum para nós exportar a esses lugares devido ao regulamento anterior", disse, acrescentando também que, com as taxas, a produção de trigo do país vinham caindo.

Com informações do Infocampo.com.ar

Por: Izadora Pimenta
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário