Argentina prevê nova safra de trigo em até 11,2 mi de toneladas

Publicado em 17/09/2010 08:35
601 exibições
A Argentina deverá colher em 2010/2011 uma safra de trigo entre 10 milhões e 11,2 milhões de toneladas. A estimativa foi feita e divulgada ontem pelo Ministério da Agricultura do país em sua primeira previsão para a nova temporada.

A previsão aponta um crescimento em relação à estimativa da safra anterior. Segundo avaliação do governo argentino, no ano passado Buenos Aires produziu 7,5 milhões de toneladas de trigo - o menor nível em mais de 30 anos.

A estimativa anunciada ontem, publicada em um relatório mensal de safra, é mais conservadora do que o prognóstico de 12 milhões a 13 milhões de toneladas feito pela presidente Cristina Fernández de Kirchner e por Julian Dominguez, ministro da Agricultura.

Preocupações têm aumentado sobre a safra de trigo da Argentina nas recentes semanas dada as condições climáticas de seca em muitas áreas agrícolas, e o relatório mostrou que algumas safras estão sofrendo apesar das recentes chuvas.

"Na maioria das áreas agrícolas do país, a falta de umidade do solo é evidente, apesar da chuva nos recentes dias, e algumas safras estão com as folhas amareladas pelas geadas dos meses de julho e agosto", acrescentou o relatório do Ministério da Agricultura argentino.

A área estimada de trigo é de 4,2 milhões de hectares - uma alta de 20% em relação à campanha anterior. Uma safra maior do cereal na Argentina deve trazer algum alívio para o Brasil, o principal comprador do trigo da Argentina.

O mercado de trigo tem sido afetado pela quebra de safra da Rússia, drasticamente afetada pelo clima seco.

Milho

Produtores já começaram a plantar milho da temporada 2010/2011, mas o ministério não estimou a área. Acrescentou apenas que as indicações iniciais eram de um aumento de 6% e 7%.

O relatório manteve a previsão para a produção 2009/210 de milho no recorde de 22,5 milhões de toneladas, com a produção de soja projetada em outro recorde de 52,7 milhões de toneladas. O governo não informou estimativas para a nova temporada de plantio.

Além de ser grande exportador de trigo, a Argentina é o segundo maior fornecedor de milho depois dos Estados Unidos e o terceiro maior de soja.

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) estimou que a safra de milho 2010/2011 deve chegar a 21 milhões de toneladas, com a produção de soja prevista em 50 milhões de toneladas.
Tags:
Fonte: DCI

Nenhum comentário