Preço do arroz registra valorização em agosto e anima o setor

Publicado em 18/08/2011 08:01 281 exibições
O município de Uruguaiana, no Rio Grande do Sul, é o maior produtor de arroz do Brasil. O preço da saca de 50 quilos na região está custando, em média, R$ 23,84, com valorização de 4% no mês de agosto. Apesar do aumento, o valor ainda está abaixo do preço mínimo estabelecido pelo governo, que é de R$ 25,80.

Para tentar elevar o preço, o governo federal comprará 500 mil toneladas de arroz do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. O produto será destinado às indústrias de aves e suínos para ser usado na ração animal.

Para o presidente da Associação dos Produtores de Uruguaiana, a medida vem sendo esperada pelo setor. “Esta compra o objetivo de enxugar o mercado. Quinhentas mil toneladas a menos é uma pressão que se tem nos preços. Portanto, espera-se que os preços subam, objetivo do governo quando coloca em prática este tipo de mecanismo. O ideal seria que o governo baixasse a tributação no negócio e fossemos competitivos sem esse tipo de ajuda, mas já que não temos o ideal, aceitamos a ajuda de bom grado”, diz Valter Arns.

A data dos leilões de arroz ainda não foi marcada. A portaria que autoriza as compras pela Conab não foi publicada no Diário Oficial da União, o que deve ocorrer ainda este mês.

Tags:
Fonte:
Globo Rural

0 comentário