Mamão/Cepea: Brapex visa melhoria na rastreabilidade, visando mercado externo

Publicado em 24/05/2022 15:46

Como estratégia para impulsionar as exportações brasileiras de mamão, que ainda representam apenas 2% da produção nacional, a Associação Brasileira de Produtores e Exportadores de Papaya (Brapex) se reuniu no início de maio com agentes da Ceagesp e do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para discutir maneiras de aumentar a adesão de mamocultores a programas de rastreabilidade que sejam compatíveis com as exigências do mercado europeu – principal destino brasileiro.

O grande objetivo agora é promover a conscientização de produtores e de todos aqueles que estão envolvidos na cadeia produtiva do mamão sobre a importância da rastreabilidade por meio de palestras e ações educativas. Espera-se que, com isso, haja uma mudança gradual no setor e que o mamão brasileiro passe a ser mais rastreável com relação à sua origem, aos defensivos que foram utilizados em seu cultivo, entre outros pontos importantes para a exportação.

Fonte:
Cepea/Hortifruti

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário