Mesmo com geadas preços na Ceasa Curitiba têm pouca alteração

Publicado em 29/06/2011 08:05 606 exibições
O mercado hortigranjeiro da Ceasa de Curitiba iniciou a semana com poucas alterações nos preços, em razão das quantidades que foram ofertadas na segunda-feira (27). Prevendo a geada, produtores colheram em maior quantidade, e os volumes foram suficientes para conter altas exageradas principalmente no grupo das folhosas, mais afetadas pelas baixas temperaturas.

Entretanto, a menor oferta de alguns produtos na manhã desta terça-feira influenciou a média ponderada dos preços dos trinta hortigranjeiros que, juntos, representam mais de noventa por cento do volume comercializado na Ceasa da capital.

A alta verificada foi de 1,68 por cento em comparação ao dia anterior, refletindo oscilações nas cotações da alface crespa (+ 60,00%), abobrinha verde extra 2A (+ 50,00), pimentão verde extra 2A (+25,00), tomate extra 2A (+ 11,63) e batata salsa extra 2A (+10,00).

Apenas uma fruta, entre as mais comercializadas, apresentou alta - a tangerina poncan grande, em 12,50 por cento. Três produtos baixaram de preço: a batata comum especial lavada (-3,85%), chuchu extra 2A (- 5,56) e couve flor grande (-10.00).

A oferta regular dos outros vinte e um hortigranjeiros que integram a pesquisa semanal da Divisão Técnica Econômica da Ceasa permitiu a manutenção de preços estáveis, como, por exemplo, cenoura nantes 2A, beterraba extra 2A, pepino salada extra 2A, repolho híbrido médio, vagem macarrão extra 2A, batata doce branca, banana caturra primeira, laranja pera grande, maçã nacional gala.

Tags:
Fonte:
Ag. Estadual de Notícias do PR

0 comentário