Dívidas trabalhistas ameaçam embarque de soja em Paranaguá

Publicado em 19/03/2013 07:53
448 exibições
Justiça ordena sequestro da conta bancária do órgão responsável pelo pagamento dos salários dos 2,8 mil trabalhadores do Porto de Paranaguá
O escoamento da supersafra de soja estimada em mais de 80 milhões de toneladas no país e em 15 milhões no Paraná corre o risco de ser interrompido antes mesmo de engrenar. Com um número crescente de navios ao largo, que na segunda-feira (18) chegou a 96 devido às chuvas, o Porto de Paranaguá pode ter suas operações paralisadas a partir de terça-feira por causa das dívidas trabalhistas do Órgão Gestor de Mão de Obra do Trabalhador Portuário e Avulso (Ogmo).

Veja a notícia na íntegra no site da Gazeta do Povo
Tags:
Fonte: Gazeta do Povo

Nenhum comentário