Incêndio segue em 2 tanques de combustível e contamina mar em Santos

Publicado em 06/04/2015 10:39 57 exibições

O incêndio que começou na quinta-feira no pátio da Ultracargo, em Santos (SP), provocou a contaminação da água do canal do estuário e pode ser a causa da morte de milhares peixes. É o que indica relatório preliminar da empresa enviado à Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb) e divulgado na noite deste domingo. O documento também aponta alteração na qualidade do ar. Nesta segunda-feira, um equipamento do Exército deve monitorar o ar na região. Dos seis tonéis que armazenam combustíveis atingidos pelo fogo, dois ainda permanecem em chamas.

Segundo o gerente da Agência Ambiental da Cetesb em Santos, Cesar Eduardo Padovan Valente, "a água usada para conter as chamas foi despejada no estuário pelo sistema de escoamento da Ultracargo contaminada com combustível, provocando alteração da temperatura e saturação do oxigênio, provavelmente causando a morte dos peixes". Entre os animais mortos estão bagres, garoupas e espécies com até 70 centímetros de comprimento. Uma empresa está recolhendo os peixes mortos.

Leia a notícia na íntegra no site da Veja

Fonte:
Veja

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário