Sobe para 121 número de mortos por rompimento de barragem em Brumadinho

Publicado em 02/02/2019 14:26
81 exibições

BRUMADINHO, Minas Gerais (Reuters) - Subiu para 121 o número de mortos pelo rompimento de uma barragem de rejeitos de mineração operada pela Vale em Brumadinho (MG), informou a Defesa Civil de Minas Gerais neste sábado.

O coordenador da Defesa Civil, tenente-coronel Flávio Godinho, apontou ainda que o número de pessoas desaparecidas caiu para 226.

Entre os mortos, 93 foram identificados.

Até a noite de sexta-feira, as equipes tinham registrado 115 mortos, apontando ainda 248 pessoas desaparecidas.

Força Nacional ajudará nas buscas de vítimas de rompimento de barragem

BRUMADINHO, Minas Gerais (Reuters) - Integrantes da Força Nacional de Segurança Pública chegam neste sábado a Brumadinho (MG), com o objetivo de ajudar bombeiros exaustos após mais de semana de trabalhos em busca das vítimas do rompimento da barragem da Vale, de acordo com nota do governo de Minas Gerais.

A Força Nacional que atuará em Brumadinho contará com duas aeronaves e 60 militares.

"Com a exaustão dos militares envolvidos desde o rompimento da barragem, no dia 25 de janeiro, o auxílio do governo federal chega em boa hora", afirmou o comunicado.

O envio da Força Nacional foi acertado entre o governador de Minas Gerais, Romeu Zema, e o ministro da Justiça, Sérgio Moro.

Mais de 80 bombeiros de outros Estados como Goiás, São Paulo, Alagoas, Espírito Santo, Maranhão, Rio de Janeiro e Santa Catarina já colaboram com as buscas, somando esforços com os mais de 200 profissionais de Minas Gerais.

Já participam das buscas 15 aeronaves e 22 cães farejadores, segundo informações dos bombeiros.

Até o final da noite de sexta-feira, os bombeiros registravam 115 mortos pela rompimento da barragem e 248 desaparecidos.

Fonte: Reuters

Nenhum comentário