Seca nos EUA: Tour relata produtividade bem abaixo do esperado para o milho

Publicado em 21/08/2012 15:59 2305 exibições
Todos os anos uma expedição de safra conhecida como Pro Farmer Crop Tour visita os principais estados produtores de grãos dos Estados Unidos. As primeiras informações deste ano, em que os Estados Unidos sofrem com a pior seca de sua história, confirmam os estragos causados pela falta de chuvas e já indicam produtividade bem abaixo do registrado no ano passado. 

No estado de Ohio, o rendimento, em média, é de 116,95 sacas por hectare (110,5 bushels por acre). No ano passado, esse número era de 165,42 sacas/ha. (156,3 bushels/ac). A situação é ainda mais grave na Dakota do Sul, onde a produtividade foi verificada em 78,75 sacas por hectare (74,3 bushels por acre), enquanto há um ano esse índice era quase o dobro, 149,35 scs/ha (141,1 bushels/ac). 

As baixas projetadas pelo Pro Farmer, de 29,3% para Ohio, e de 47,3% para a Dakota do Sul são maiores do que as estimadas pelo USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos), que são de 20,3 e 25,8%, respectivamente. 

Nestes estados, os participantes da expedição também encontraram um expressivo recuo da produtividade nas lavouras de soja, porém, os números ainda não foram finalizados. 

Entretanto, foi reportada uma média de 584,9 vagens por área de 3 x 3 pés quadrados na Dakota do Sul, e 1.033,72 vagens em Ohio. Os números também ficam abaixo dos relatados no ano passado. (1 pé = 30,48 centímetros). 

Durante a passagem pelo trecho ocidental o tour, os participantes viram, constantemente, lavouras derrubadas pelas alimentação de gado, com seus produtores já cientes de que suas plantações não dariam mais resultado algum. Nem mesmo as lavouras irrigadas escaparam das perdas. De acordo com um agrônomo o mecanismo não conseguiu acompanhar a estiagem intensa ocorrida este ano. 
Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

1 comentário

  • Bertholdo Fernando Ullmann Patos de Minas - MG

    Que surpresa...............

    0