Milho MT: Plantio segue em ritmo lento devido às chuvas no estado

Publicado em 14/02/2013 09:00
378 exibições
Por mais uma semana consecutiva, o plantio apresenta atraso em seu desenvolvimento. A situação tem se tornado mais alarmante, visto a grande diferença entre os valores deste ano com os do ano passado para o mesmo período. O plantio nesta semana avançou 10% em relação à última, atingindo 20%, o que equivale a  557,4 mil hectares. Valor aquém do atingido na primeira semana de fevereiro do ano passado, quando a área plantada foi de 42%, com 1,0 milhão de hectares de milho plantados. A área colhida de soja está em 17,4%, o que representa 1,3 milhão de hectares. Considerando que o plantio de algodão já ocupou uma área de 396,4 mil ha, sobrariam ainda 418,2 mil ha disponíveis para serem plantados. Mesmo que o milho ocupasse toda essa área pronta, não seria atingido o valor de plantio da safra passada. Se isso acontecesse seriam 35% de área plantada com o cereal. A partir dessa análise, pode-se estimar que o principal fator de atraso no plantio tem sido as chuvas que estão atrapalhando e tornando lento o processo de colheita da soja. Além da incerteza sobre a qualidade do grão de soja e as perdas de produção, visto a situação climática, o produtor preocupa-se ainda em conseguir plantar o milho dentro da janela, que se encerra no fim do mês. Caso contrário, poderá haver prejuízos também no cultivo do cereal.

Clique aqui e leia a íntegra do Boletim Semanal do Imea. 
Tags:
Fonte Imea

Nenhum comentário