Tradicional comprador dos EUA, Japão importa milho do Brasil e da Ucrânia

Publicado em 22/07/2013 15:15 718 exibições

De acordo com fontes oficiais, cerca de 300 toneladas de milho do Brasil e da Ucrânia foram importadas pelo Japão para os embarques do trimestre de outubro-dezembro.

Esta importação foi impulsionada pelos altos preços americanos. No, entanto, nos Estados Unidos, a colheita anual de setembro a dezembro se aproxima e deve manter os preços mais baixos nas próximas semanas. Também é esperado um resultado melhor do que no ano passado, quando a produção foi prejudicada por uma seca.

O Japão é tradicionalmente o maior comprador de milho dos EUA, mas além dos altos preços, a oferta escassa e a pouca disponibilidade também foram fatores que incentivaram as importações de origem brasileira e ucraniana.

Da Ucrânia, foram adquiridos 120 mil toneladas de milho por cerca de US$242 por tonelada. Já do Brasil, foram adquiridas 180 mil toneladas, por US$253 a tonelada nos contratos de dezembro.

 

Tags:
Por:
Izadora Pimenta
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário