Na CBOT, milho mantém movimentação técnica e inicia pregão desta 3ª feira com ligeiras desvalorizações

Publicado em 21/03/2017 09:23 e atualizado em 21/03/2017 12:27
109 exibições

As cotações futuras do milho negociadas na Bolsa de Chicago (CBOT) iniciaram o pregão desta terça-feira (21) com ligeiras quedas. As principais posições da commodity exibiam perdas entre 0,75 e 1,25 pontos, por volta das 9h03 (horário de Brasília). O vencimento maio/17 era cotado a US$ 3,62 por bushel, enquanto o julho/17 era negociado a US$ 3,70 por bushel. Já o setembro/17 trabalhava a US$ 3,77 por bushel.

"O momento técnico tem invertido o rumo das negociações e aponta para mais desvantagens", disse Benson Quinn Commodities, em entrevista ao Agrimoney.com. As quedas têm ocorrido apesar dos dados positivos vindos do lado da demanda. Ainda nesta segunda-feira, o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) indicou os embarques semanais do grão em 1.333,064 milhão de toneladas na semana encerrada no dia 16 de março.

Ainda assim, Benson Quinn Commodities reforça que os dados das exportações norte-americanas "estão perdendo o poder de sustentar os preços, já que o comércio olha para a grande safra brasileira competindo pela demanda de exportação nos próximos meses".

Confira como fechou o mercado nesta segunda-feira:

Por Giovanni Lorenzon

>> Milho: fechamento de Chicago carrega mais perdas de até 4 pontos

Por: Fernanda Custódio
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário