Preço do milho no Mato Grosso subiu 5,18% na semana; exportações pelo Arco Norte ganham espaço no estado

Publicado em 01/09/2020 09:19 e atualizado em 01/09/2020 10:03 455 exibições

LOGO nalogo

O Imea (Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária) divulgou relatório apontando que a cotação do milho se manteve em alta na última semana, acumulando ganho de 5,81% em relação à semana anterior e fechando com média de R$ 43,92 a saca.

Com o mercado em alta, a paridade de exportação também apresentou elevação e foi cotada à R$ 25,69 a saca com referência julho/21.

Diante deste cenário, os produtores mato-grossenses já venderam 90,45% da produção desta safra 2019/20 até o fechamento do mês de agosto e já avançaram com a comercialização de 45,88% para a safra 2020/21 que virá pela frente.

Outro ponto que mereceu destaque no relatório foi o aumento nas exportações do estado efetuadas pelo Arco Norte em detrimento ao tradicional Arco Sul. “Foi possível observar que houve uma ampliação na competição da logística dos grãos com o Arco Sul, que pela primeira vez na série histórica apresentou resultado inferior ao Arco Norte”.

Pelo Arco Sul saíram 2,21 milhões de toneladas, o que representa 49,87% do total de grãos destinados aos portos, enquanto que outras 2,22 milhões de toneladas, 50,13% do total, foram escoadas pelo Arco Norte. O Imea analista que isso aconteceu “com o cenário logístico mais oportuno decorrente das melhoras nas rodovias da região norte do país”.

Confira a íntegra do relatório no site do Imea.

 

 

Tags:
Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário