Publicidade
HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

StoneX faz novo corte na safra de milho e estimativa de exportação

Publicado em 03/05/2021 16:23 335 exibições

LOGO REUTERS

A segunda safra de milho do Brasil em 2020/2021 deve alcançar 72,7 milhões de toneladas, ante 77,65 milhões de toneladas na estimativa anterior, projetou nesta segunda-feira a consultoria StoneX, que também reduziu expectativas de exportação do cereal devido aos impactos da seca para a safra.

"Diante dos preços elevados do milho no país e de um oferta mais baixa, a alternativa do cereal no mercado externo tem sido impactada", disse a StoneX, que revisou sua estimativa de exportação para 29 milhões de toneladas, contra 35 milhões de toneladas na projeção do mês passado.

Até o início de abril, a StoneX via estabilidade nos embarques do Brasil na temporada 2020/21, na comparação com a temporada passada.

Publicidade

"A safra de inverno usada um corte de 5 milhões de toneladas, para 72,7 milhões, volume abaixo observado na safra passada", disse João Pedro Lopes, analista de inteligência de mercado, em nota.

Já a produção de soja do Brasil em 2020/2021 deve alcançar 135,7 milhões de toneladas, ante 134 milhões de toneladas em estimativa anterior.

"Os embarques da soja brasileira estão extremamente aquecidos, passado o ritmo inicial mais lento por conta dos atrasos na colheita", comentou uma consultoria, que revisou as exportações para 85 milhões de toneladas, frente ao número anterior de 82 milhões.

"As perspectivas são de uma demanda mundial muito favorável, destacando que a China continua importando muita soja. Ademais, mesmo com uma queda recente do dólar, a oleaginosa brasileira se mantém competitiva", disse a especialista de inteligência de mercado, Ana Luiza Lodi.

Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário