Milho abre em queda na B3 nesta 3ªfeira e devolve ganhos de ontem

Publicado em 30/11/2021 09:23 834 exibições
Chicago estende perdas acompanhando preços do trigo

Logotipo Notícias Agrícolas

A terça-feira (30) começa com os preços futuros do milho cedendo à pressão vinda da Bolsa de Chicago e recuando para os preços futuros do milho.

Por volta das 09h14 (horário de Brasília), o vencimento janeiro/22 era cotado à R$ 88,80 com desvalorização de 0,60%, o março/22 valia R$ 89,00 com queda de 0,58%, o maio/22 era negociado por R$ 85,20 com baixa de 0,58% e o julho/22 tinha valor de R$ 81,90 com perda de 0,10%.

Para o analista de mercado da Brandalizze Consulting, Vlamir Brandalizze, a semana começa na calmaria. “O mercado já em ritmo de final de ano e sem muitos negócios acontecendo. Basicamente, apenas pequenos granjeiros compram e os grandes estão abastecidos, ninguém quer comprar porque estão abastecidos e esperando muitos volumes no ano que vem”, diz.

Mercado Externo

A Bolsa de Chicago (CBOT) abre o segundo dia da semana estendendo o derretimento dos preços internacionais do milho futuro registrado no pregão de ontem, com as principais cotações recuando por volta das 09h08 (horário de Brasília).

O vencimento dezembro/21 era cotado à US$ 5,72 com desvalorização de 8,50 pontos, o março/22 valia US$ 5,73 com baixa de 8,50 pontos, o maio/22 era negociado por US$ 5,77 com perda de 8,25 pontos e o julho/22 tinha valor de US$ 5,78 com queda de 8,00 pontos.

Segundo informações da Agência Reuters, os futuros do trigo acompanham a soja sofrendo influência negativa do trigo nesta terça-feira, que caiu para uma baixa de duas semanas, depois que um relatório dos EUA mostrou que a condição da safra de inverno estava melhor do que o esperado e diminuiu as preocupações com o abastecimento mundial.

Relembre como fechou o mercado na última segunda-feira:

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário