Quinta-feira começa com futuros do milho em alta nas Bolsas

Publicado em 07/07/2022 09:17 e atualizado em 07/07/2022 13:24
B3 e CBOT repetem desempenho positivo de ontem e contabilizam ganhos

Logotipo Notícias Agrícolas

A quinta-feira (07) começa com os preços futuros do milho novamente operando no campo positivo da Bolsa Brasileira (B3). As principais cotações subiam menos de 1% e flutuavam na faixa entre R$ 82,40 e R$ 88,38 por volta das 09h14(horário de Brasília). 

O vencimento julho/22 era cotado à R$ 82,40 com ganho de 0,34%, o setembro/22 valia R$ 85,21 com elevação de 0,59%, o novembro/22 era negociado por R$ 86,71 com alta de 0,44% e o janeiro/23 tinha valor de R$ 88,38 com valorização de 0,94%. 

Para o analista de mercado da Brandalizze Consulting, Vlamir Brandalizze, a B3 passa por correções técnicas após o milho ter descido muito de patamar. Neste cenário, os produtores brasileiros precisam analisar quais serão os próximos passos.  

“Algumas revendas e traders fizeram fechamentos de navios e tem ainda posições que não completaram e podem pagar mais do que o mercado do momento. Hoje você conseguiria no porto na faixa de R$ 87,00 a R$ 92,00, mas tem gente que conseguiu exportação na faixa de R$ 95,00, então pagar entre dois e quatro reais a mais em algumas posições localizadas”, diz.  

Brandalizze afirma ainda que novas pressões de baixas podem aparecer no mercado de milho quando atingirmos o pico de colheita da segunda safra brasileira. “O produtor sabe que tem muito e não vai ter espaço para segurar esse milho”. 

Mercado Externo 

A Bolsa de Chicago (CBOT) também repete o desempenho positivo de ontem e abre os trabalhos desta quinta-feira em campo positivo para os preços internacionais do milho futuro, que subiam por volta das 09h02 (horário de Brasília). 

O vencimento julho/22 era cotado à US$ 7,60 com valorização de 15,75 pontos, o setembro/22 valia US$ 6,14 com elevação de 14,75 pontos, o dezembro/22 era negociado por US$ 5,99 com alta de 14,00 pontos e o março/23 tinha valor de US$ 6,04 com ganho de 13,50 pontos. 

Segundo informações da Agência Reuters, os futuros de milho em Chicago sobem com os traders de olho no clima para a safra dos EUA. O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Undios), em um boletim meteorológico diário, disse que pancadas de chuva e trovoadas de Nebraska a Ohio estavam beneficiando muito os campos. 

Por outro lado, o Departamento, em um relatório semanal separado divulgado na terça-feira, classificou 64% da safra de milho como boa a excelente no domingo, uma queda de 3 pontos percentuais em relação à semana anterior, enquanto analistas consultados pela Reuters, em média, esperavam um declínio de dois pontos. 

Relembre como fechou o mercado na última quarta-feira: 

Por:
Guilherme Dorigatti
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário