Mapa suspende 126 mil declarações de agricultura familiar e apura irregularidades

Publicado em 05/06/2019 21:58
775 exibições

SÃO PAULO (Reuters) - O Ministério da Agricultura anunciou nesta quarta-feira a suspensão de 126.412 declarações de agricultura familiar, após indícios de irregularidades apontados por auditoria de 2018 do Tribunal de Contas da União (TCU).

A declaração é o passaporte de acesso às políticas públicas do governo federal para a agricultura familiar, e os afetados possuem 30 dias para recorrer, demonstrando que corrigiram as irregularidades identificadas e solicitando o desbloqueio.

"Estamos focados em cumprir todas as recomendações voltadas para coibir fraudes ou irregularidades, e na otimização do atendimento ao público-alvo", afirmou em nota o secretário da Agricultura Familiar e Cooperativismo, Fernando Schwanke.

"Apuramos o que foi apontado pela auditoria, atendemos aos prazos pactuados com o TCU, estamos informando sobre as suspensões e abrindo o prazo para esclarecimentos", concluiu.

Fonte: Reuters

Nenhum comentário