China pede aos EUA para tomarem medidas para evitar crise da dívida

Publicado em 07/10/2013 12:51
467 exibições

A China pediu nesta segunda-feira que os Estados Unidos tomem medidas decisivas a fim de evitar a crise de dívida e garantir a segurança dos investimentos chineses.

A China, maior credor do governo dos EUA, está "naturalmente preocupada com os avanços em direção ao abismo fiscal norte-americano", disse o vice-ministro das Finanças chinês, Zhu Guangyao, na primeira resposta pública do governo da China ao prazo nos EUA que se encerra em 17 de outubro para a elevação do teto da dívida.

Leia a notícia na íntegra no site da Reuters.

Presidente da China vê "processo tortuoso" de recuperação econômica mundial

O presidente da China, Xi Jinpiang, disse nesta segunda-feira que espera um "processo tortuoso" de recuperação econômica mundial, enquanto a taxa de crescimento econômico atual chinesa está "dentro de uma faixa razoável e esperada".

Falando nos bastidores da cúpula de líderes para Cooperação Econômica da Ásia-Pacífico '(Apec, na sigla em inglês) em Bali, Indonésia, Xi disse: "Estou completamente confiante no futuro da economia da China".

Leia a notícia na íntegra no site da Reuters.

Fonte: Reuters

0 comentário