Ibovespa atinge máxima em quase 5 meses com OGX e avanços nos EUA

Publicado em 16/10/2013 19:04
399 exibições
Índice subiu 1,8% nesta quarta-feira, chegando a 55.973 pontos. Na semana, ganhos chegam a 5,3%

O principal índice da BM&FBovespa teve a sexta alta seguida nesta quarta-feira, após nova disparada da petroleira OGX e refletindo o otimismo quanto aos sinais de que um acordo para elevar o teto da dívida dos EUA pode estar próximo. O Ibovespa subiu 1,8%, a 55.973 pontos, maior nível desde o fim de maio, após ter superado os 56 mil pontos durante a sessão. Na semana, o índice já acumula ganho de 5,3%. O giro financeiro do pregão, inflado pelo vencimento de opções de Ibovespa e contratos de futuro, foi de 14,6 bilhões de reais.

Como reação aos avanços na discussão do impasse fiscal, os três principais índices dos Estados Unidos (Dow Jones, S&P 500 e a bolsa Nasdaq) subiram mais de 1% no pregão, movimento seguido pela bolsa brasileira. Contudo, grande parte da alta do Ibovespa nesta quarta foi provocada pela OGX, que subiu 38,24%, ampliando valorização de 48% da véspera.

A ação contribuiu com cerca de 640 pontos para a alta do índice, com investidores esperando que a empresa receba injeção de capital dentro de um plano de reestruturação, o que poderia ajudá-la a evitar um colapso. Na terça-feira à noite, o Conselho de Administração da OGX anunciou a demissão do presidente-executivo e convocou uma assembleia extraordinária de acionistas para destituir e eleger novos membros do Conselho, abrindo caminho para que Batista deixe o posto de chairman da companhia.

Fonte: Veja.com

Nenhum comentário