No Estadão: Argentina anuncia novo congelamento de preços

Publicado em 20/12/2013 15:50 1295 exibições

O governo argentino de Cristina Kirchner anunciou, nesta sexta-feira, um novo congelamento de preços de produtos de consumo de massa. Este é o terceiro congelamento anunciado em 2013 para tentar brecar a aceleração da inflação, que já acumula alta anual de quase 27%, conforme estimativas de institutos privados. As questionadas estatísticas oficiais apontam inflação anual de 10,5%. As projeções privadas apontam alta em torno de 3% dos preços só em dezembro.

Segundo o ministro de Economia, Axel Kicillof, a diferença deste novo tabelamento é que o acordo fechado com os supermercadistas inclui também os fornecedores. "É um acordo voluntário de preços entre o governo federal e os principais atores do setor e que avança na cadeia de valor, não só nos pontos de venda. É voluntário porque sabemos que sem a participação do setor privado os controles e os congelamentos não funcionam", disse Kicillof durante o anúncio do acordo, que inclui 200 produtos.

Leia a notícia na íntegra no site do Estadão.

Fonte:
Estadão

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário