Na Folha: Tesouro vai bancar R$ 6 bilhões da dívida da Eletrobras com a Petrobras

Publicado em 11/12/2014 17:00 e atualizado em 13/12/2014 06:35 183 exibições

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, anunciou nesta quinta-feira (11) que o governo vai colocar R$ 6 bilhões do Tesouro para pagar a dívida da Eletrobras com a Petrobras.

A pendência está relacionada com o fornecimento de combustível para manter ligado o sistema elétrico no Norte do país, regiões isoladas do restante do sistema elétrico.

A Petrobras reivindica o pagamento de R$ 9 bilhões dessa dívida, acumulada ao longo dos últimos anos. A responsável pelo pagamento seria a Eletrobras, estatal de energia elétrica do país. Conforme a Folha antecipou nesta quinta-feira, o governo seria o fiador da dívida.

No entanto, a Eletrobras não tem conseguido fazer os pagamentos do combustível. A empresa também não reconhecia a totalidade da dívida, por isso o impasse.

"A Eletrobras tem uma parte da dívida pequena e o Tesouro deve à Eletrobras o repasse do recurso da CCC, que agora é CDE", disse o ministro.

Em outras palavras, Lobão explicou que a maior parte da dívida, cerca de dois terços, cabe ao fundo do setor elétrico, que não repassou o dinheiro para a Eletrobras.

Leia a notícia na íntegra no site da Folha de S. Paulo.

Fonte:
Folha de S. Paulo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário