Inflação: IPC-S acelera alta a 0,53% na 1ª quadrissemana de outubro, diz FGV

Publicado em 08/10/2018 08:28
72 exibições

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) começou outubro acelerando a alta a 0,53 por cento depois de fechar setembro com avanço de 0,45 por cento, de acordo com os dados divulgados nesta segunda-feira pela Fundação Getulio Vargas (FGV).

O destaque na primeira leitura do mês foi o grupo Alimentação, que passou a subir 0,44 por cento ante 0,16 por cento, pressionado principalmente por hortaliças e legumes.

IGP-DI tem alta de 1,79% em setembro, diz FGV

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice Geral de Preços-Disponibilidade Interna (IGP-DI) subiu 1,79 por cento em setembro, ante elevação de 0,68 por cento no mês anterior, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV), nesta segunda-feira.

Índices acionários chineses recuam apesar de medidas de estímulo do banco central

XANGAI (Reuters) - Os índices acionários chineses caíram nesta segunda-feira, com os investidores de volta após feriado prolongado dispensando as ações apesar do movimento de Pequim no final de semana para estimular mais empréstimos em um momento de crescentes temores sobre o impacto econômico da guerra comercial entre os Estados Unidos e a China.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 4,3 por cento, enquanto o índice de Xangai teve queda de 3,7 por cento.

Pequim ampliou o suporte à liquidez no sistema financeiro este ano com as autoridades focando em acalmar os temores acerca de saída de capital e buscou aliviar os mercados mesmo com o crescimento do nervosismo de que a guerra comercial com os Estados Unidos pode provocar danos à economia.

"Há uma grande falta de confiança no mercado. Poucos investidores estão comprando", disse Alvin Ngan, analista da corretora Zhongtai International.

"A economia da China está sob forte pressão de queda e você precisa de tempo para analisar se as recentes medidas de flexibilização são eficazes ou não", acrescentou.

O banco central da China anunciou no domingo corte de 1 ponto percentual na taxa de compulsório dos bancos, ampliando os esforços para sustentar a economia e acalmar as preocupações do mercado.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei permaneceu fechado.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,39 por cento, a 26.202 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 3,72 por cento, a 2.716 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 4,30 por cento, a 3.290 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,60 por cento, a 2.253 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,58 por cento, a 10.455 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,88 por cento, a 3.181 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 1,38 por cento, a 6.100 pontos.

Fonte: Reuters

Nenhum comentário