Índices da China recuam em meio a perspectiva de crescimento global fraco

Publicado em 22/01/2019 07:43
25 exibições

LOGO REUTERS

HONG KONG (Reuters) - Os índices acionários da China recuaram nesta terça-feira, conforme os investidores se preparavam para um difícil início de 2019 em meio a uma perspectiva econômica fraca tanto no cenário doméstico quanto externo.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 1,33 por cento, enquanto o índice de Xangai teve perdas de 1,18 por cento.

O subíndice do setor financeiro caiu 1 por cento, o de consumo recuou 1,7 por cento e o de saúde perdeu 2,1 por cento.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) reduziu sua estimativa de crescimento global e uma pesquisa mostrou pessimismo crescente entre os chefes empresariais conforme as tensões comerciais e a incerteza pairavam na segunda-feira, antes do Fórum Econômico Mundial em Davos.

O alerta do FMI foi dado pouco depois de a China ter informado seu crescimento mais lento em 28 anos para 2018, em meio à guerra comercial com os Estados Unidos e ao enfraquecimento da demanda doméstica.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,47 por cento, a 20.622 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,70 por cento, a 27.005 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 1,18 por cento, a 2.579 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 1,33 por cento, a 3.143 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,32 por cento, a 2.117 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,05 por cento, a 9.894 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,86 por cento, a 3.192 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,54 por cento, a 5.858 pontos.

(Reportagem de Noah Sin)

Fonte Reuters

Nenhum comentário