Dólar fecha a R$ 1,69, em mercado esvaziado; Bovespa inverte tendência e sobe 0,14%

Publicado em 22/12/2010 16:30 279 exibições

Na antevéspera do recesso de Natal o giro financeiro do mercado de câmbio doméstico cai fortemente, num indicativo que boa parte dos agentes financeiros já se retirou dos negocios.

Conforme números da BM&F, o valor movimentado hoje foi de US$ 824,6 milhões (dado preliminar) ante uma média de US$ 4 bilhões na semana passada, no segmento de moeda negociada à vista.

O dólar teve uma oscilação bastante modesta, entre R$ 1,703 e R$ 1,692, para encerrar o dia em R$ 1,696, em leve queda de 0,11%. Nas casas de câmbio paulistas, o dólar turismo foi cotado por R$ 1,800 para venda e por R$ 1,640 para compra.

Ainda operando, a Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) ganha 0,14%, aos 68.310 pontos. O giro financeiro é de R$ 3,5 bilhões. Nos EUA, a Bolsa de Nova York valoriza 0,16%.

Na visão de profissionais das corretoras de câmbio, o dólar deve encerrar o ano em R$ 1,70 ou muito pouco abaixo desse valor, com o esvaziamento dos negócios até o dia 30.

Ao contrário dos demais dias, o Banco Central, desta vez, não realizou seu habitual leilão para compra de moeda.

INFLAÇÃO

Acompanhando o mercado, o BC elevou suas projeções para a inflação de 2010 e de 2011. A previsão para o IPCA de 2010 subiu de 5,0% para 5,9%. Para 2011, passou de 4,6% para 5,0%.

A instituição ainda manteve a previsão de um crescimento do PIB de 7,3% em 2010. A primeira projeção para o crescimento em 2011 é de 4,5%.

JUROS FUTUROS

No mercado futuro de juros, que serve de referência para o custo dos empréstimos nos bancos, as taxas previstas subiram com força nos contratos mais negociados.

No contrato para julho de 2011, a taxa projetada avançou de 11,49% para 11,59%; para janeiro de 2012, a taxa prevista passou de 11,99% para 12,11%. E no contrato para janeiro de 2013, a exceção do dia, a taxa projetada recuou de 12,39% para 12,35%. Esses números são preliminares e estão sujeitos a ajustes.

Fonte:
Folha Online

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário