USDA surpreende o mercado e soja fecha semana com forte queda

Publicado em 09/12/2011 18:20 e atualizado em 10/12/2011 07:57 975 exibições
O mercado futuro da soja enfrentou uma sexta-feira difícil e bastante negativa na Bolsa de Chicago no último pregão da semana. Depois do anúncio de estoques finais maiores nos Estados Unidos feito pelo USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) na manhã desta sexta-feira, os preços despencaram e a oleaginosa fechou com mais de 25 pontos de baixa nos contratos mais próximos. 

Os números do USDA trouxeram estimativas para as reservas - não só norte-americanas, como mundiais - consideravelmente acima do esperado pelo mercado. Enquanto os traders apostavam em algo em torno das 5,8 milhões de toneladas, o departamento reportou 6,26 milhões. "O USDA jogou uma bomba no mercado, que vai demorar para digerir isso", disse o analista de mercado Vinícius Ito, da Jeffrey's Corretora, direto de Chicago. 

Os dados do relatório de oferta e demanda do departamento norte-americano foram, portanto, o principal fator de pressão negativa para a soja nesta sexta-feira, porém, as informações vindas do cenário macroeconômico continuaram influenciando as commodities agrícolas. 

Ainda avessos ao risco, os fundos continuam migrando de ativos mais arriscados - como as commodities - para outros mais seguros. Porém, nesta sexta-feira, os investidores se focaram também em ações de empresas financeiras, o que provocou a alta de bolsas de valores ao redor do mundo, inclusive no Brasil. Essa movimentação refletiu o acordo firmado por autoridades europeias que com o objetivo de sanar a crise financeira na Zona do Euro. "Os fundos fugiram para ações, mas abandonaram as commodities", explicou Ito. 

No entanto, como explicou o analista, o mercado ainda não está totalmente confiante nas soluções, pois demais ativos como os treasures e os bônus - títulos soberanos - de alguns países recuaram. 

O analista afirmou que o mercado enfrenta, claramente, uma tendência de baixa e que os preços ainda podem se deparar com novas quedas. O financeiro ainda se mostra bastante marcado pelas incertezas e os fundamentos ainda não são suficientes para reverter a tendência do mercado. 

Veja como ficaram as cotações da soja nesta sexta-feira:


Clicando no link abaixo, você confere a entrevista do analista de mercado Vinícius Ito deu ao Notícias Agrícolas no fechamento do mercado de Chicago. Confira. 

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário