Soja: Custo vai a 48 sacas no MT

Publicado em 04/03/2013 08:46 e atualizado em 04/03/2013 10:54
895 exibições
O sojicultor mato-grossense que não quiser encerrar o atual ciclo no vermelho está obrigado a colher pelo menos 45 sacas por hectare para cobrir os custos de produção, e assim, empatar receita e despesa. Cálculos feitos pelo segmento mostram que de uma estimativa de custo equivalente a 42 sacas, e agora com mais de 50% da área colhida, a conta engordou e pode abocanhar de três a oito sacas a mais e totalizar algo em torno de 48 sacas, ou seja, para produzir um hectare o produtor vai gastar 48 e não mais 42 sacas, conforme estimativa feita em meados do ano passado.

Leia a íntegra no Diário de Cuiabá
Tags:
Fonte Diário de Cuiabá

2 comentários

  • Bertholdo Fernando Ullmann Patos de Minas - MG

    Parabéns para a Aprosoja-MT pelo levantamento real do custo de produção de soja para a região norte do MT. Nós, agricultores, estamos passando por uma fase de euforia nesse momento. Isso é muito perigoso, pois pode ocorrer um grande endividamento no setor, com posterior queda de preços das commodities. A balela de "alimentar o mundo" sem renda, não será possível.

    0
  • Vilson Ambrozi Chapadinha - MA

    Pela excessiva vontade de produzir cada vez mais sem a infraestrutura de transportes necessária ficarão na dependência dos altos preços internacionais.Vai ser uma boa queda de braço entre produzir nestes custos e consumir.Afinal,é o centro oeste, carente de logistica, que fornece todos os anos mais area de plantio.Por enquanto quem sai ganhando são as regiões ou paises que não possuem este gargalo.

    0