Publicidade

Soja tem 2ª feira de recuperação após semana de fortes baixas

Publicado em 08/04/2013 07:45 e atualizado em 08/04/2013 11:18 2206 exibições
Nesta segunda-feira (8), os futuros da soja iniciam a semana operando em alta na Bolsa de Chicago, mostrando vigor nos ganhos após uma semana de intensas e consecutivas perdas. Por volta das 11h15 (horário de Brasília), as principais posições negociadas registravam ganhos de pouco mais de 10 pontos.

A commodity volta a subir após quatro dias consecutivos de quedas, as quais fizeram com que os preços mais baratos estimulassem uma volta dos compradores ao mercado. No último dia 5, sexta-feira, os preços alcançaram o patamar dos US$ 13,45, menores desde 11 de janeiro. Segundo o analista de mercado, Stefan Tomkiw, os preços mais firmes no mercado interno norte-americano também exercem influência positiva nos cotações futuras na CBOT.

Por outro lado, o analista destaca que o mercado internacional de grãos deve observar as notícias de uma nova possível gripe aviária na China. Na última semana, as quedas em Chicago foram intensificadas pelas informações da doença, que já teria causado a morte de seis pessoas em mais de 10 casos confirmados. A informação vinda do maior consumidor mundial de soja assustou o mercado ao gerar temores de que o consumo de carnes poderia ser reduzido, impactando diretamente, portanto, o consumo de farelo de soja.

Paralelamente, a soja deverá continuar passando por essa oscilação de preços em Chicago no início desta semana, uma vez que o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) divulga um novo relatório na quarta-feira (10), nesse caso o mensal de oferta e demanda. “A expectativa do mercado é que haja uma redução na safra da América do Sul e nos estoques finais norte-americanos de soja e um aumento no número de esmagamento do grão nos EUA”, acredita o analista.

No mesmo momento, os futuros do milho de mais curto prazo também subiam e, os mais distantes, operavam no vermelho, porém, próximos da estabilidade na sessão desta segunda-feira. Já o trigo, registrava mais uma sessão de altas na CBOT, sustentado por rumores de que a China teria comprado vários cargos do cereal norte-americano na semana passada, provavelmente buscando aproveitar o momento em que os preços do produto estavam mais baratos. 

Nesta segunda se inicia o novo horário de negócios na Bolsa de Chicago. O chamado piso, pregão "viva-voz, irá operar das 10h30 às 15h15, horário de Brasília (8h30 - 13h15 - horário de Chicago). Já o eletrônico será iniciado às 21h e se encerra às 9h45 (19h - 7h45 - Chicago).

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário