Soja: A maior parte da comercialização do produto é via cooperativa, atingindo a marca de 58,4%

Publicado em 13/05/2014 11:13 483 exibições

A consultoria de SAFRAS & Mercado, através de seu Instituto de Pesquisas Agroeconômicas promoveu o estudo mais completo e fiel já realizado até hoje com os produtores de soja do Brasil. A iniciativa concretizou-se durante a Expedição Soja Brasil, realizada pelo Canal Rural e Associação Brasileira dos Produtores de Soja (Aprosoja Brasil), a qual contou com o apoio do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural em Mato Grosso (Senar-MT) e a consultoria de SAFRAS & Mercado. A pesquisa realizada pela consultoria servirá para o planejamento de toda a cadeia produtiva, tais como: planos de expedição geográfica, planos de expansão de produção, planos de investimentos em marketing, entre outros.

De acordo com o resultado da pesquisa listado pelo Instituto de Pesquisas Agro Econômicas SAFRAS & Mercado, a maior parte da comercialização do produto é via cooperativa, atingindo uma marca de 58,4%, tornando-a visível nos estados do Paraná e no Rio Grande do Sul. Com 18,3% estão os Cerealistas e, o mais baixo é atingido pelos comerciantes com apenas 3,5%.

Um dos temas, também, abordados na pesquisa foi o número de veículos dos produtores. Cerca de 45% dos produtores com até 1.000 hectares usam apenas uma caminhonete  e 38%. Já para propriedades acima de 5.000 hectares o número de produtores com apenas uma caminhonete é reduzido para 38%, entretanto, 60% possuem pelo menos 1 caminhão.

Tags:
Fonte:
Safras & Mercado

0 comentário