Soja se valoriza, apesar de expectativa de estoque final recorde

Publicado em 26/05/2014 10:14 672 exibições

O cultivo de soja se intensifica no Hemisfério Norte, enquanto produtores da América do Sul estão iniciando – e, em alguns casos, avançando – os preparativos da safra 2014/15. Segundo pesquisadores do Cepea, a expectativa é de que a área mundial volte a crescer nesta temporada, mesmo que em menor intensidade que nas anteriores. No Brasil, tudo indica que a soja deve voltar a ganhar espaço do milho de primeira safra – cenário que já é observado nos Estados Unidos. Produtores brasileiros, contudo, devem ficar atentos às cotações para não perder a oportunidade de travar seus preços por meio de contratos antecipados, já que os estoques finais da safra mundial 2014/15 devem ser recordes, conforme indicam estimativas do USDA. De 16 a 23 de maio, os preços da soja em grão subiram no Brasil e nos Estados Unidos, puxados novamente pela receita do farelo de soja. Além das exportações, as demandas internas também estão firmes. No mercado doméstico nacional, o Indicador da soja Paranaguá ESALQ/BM&FBovespa, que é baseado em negócios realizados, subiu 1,5%, a R$ 71,77/sc de 60 kg na sexta-feira, 23. A média ponderada das regiões paranaenses, refletida no Indicador CEPEA/ESALQ, avançou 2,25% no mesmo período, indo para R$ 68,80/sc de 60 kg na sexta.

Tags:
Fonte:
Cepea

2 comentários

  • Liones Severo Porto Alegre - RS

    O CEPEA deveria abrir os números desses estoques recordes a que se referem. obrigado

    0
  • beto palotina - PR

    pra ajuda preco subi ninguem mais pra baixa todo mundo da uma noticia

    0