Boletim alerta para alta incidência de pragas para soja e milho argentinos

Publicado em 16/01/2017 09:20
221 exibições

Com as chuvas que caem sobre a zona núcleo da Argentina, é alto também o risco de ataques de pragas e enfermidades nos cultivos de Santa Fe, Córdoba e Entre Ríos (esta última província, com grande proximidade do Uruguai), de acordo com a Rede MIP, um sistema de alertas da Associação Argentina de Proteção Profissional de Cultivos Extensivos.

Segundo o boletim da rede, uma área de 280.000 hectares está em risco de sofrer ataques, como divulgou o jornal La Nación.

No centro de Santa Fe, há um alto risco de aparecimento da lagarta falsa-medideira, o que significa que podem ocorrer ataques generalizados. Em campo, é possível observar um aumento considerável da praga em lotes pontuais.

Para o sul de Santa Fe, o sul de Entre Ríos e o sul de Córdoba, o risco é alto para a lagarta do cartucho no milho. Os primeiros danos no cultivos já estão sendo observados.

Ao oeste, a soja possui alto risco de percevejo e falsa-medideira.

Tradução: Izadora Pimenta

Fonte: Todoelcampo.com.uy

0 comentário