BCR coloca alerta vermelho para 30% dos hectares produtivos da Zona Núcleo, na Argentina; maiores perdas são para soja

Publicado em 16/01/2017 14:18
1234 exibições

As chuvas recentes colocaram em alerta vermelho cerca de 30% da área da região núcleo da Argentina, cujo volume recebido superou os 350mm desde meados de dezembro, segundo o Informe Semanal Zona Núcleo da Bolsa de Comércio de Rosario (BCR).

"A situação hídrica é grave no sul de Santa Fe e no noroeste de Buenos Aires. Se esperam novas frentes frias com chuvas significativas. Há campos alagados e relevos que se tornaram rios", aponta o informe.

As maiores perdas se concentram na soja. A BCR continua estimando em 10% os lotes regulares e em más condições, por conta do tempo pelo qual permaneceram debaixo d'água. No entanto, 100.000 hectares de soja deixarão de ser plantados por falta de solo ideal.

O milho que foi plantado mais cedo se encontra beneficiado pelas chuvas na etapa de enchimento de grãos e tudo indica que ele pode superar as médias dos últimos anos. De todas as formas, serão sentidos os efeitos por conta da seca prolongada que o cultivo sofreu na etapa de floração e haverá perdas por excessos de água em grande parte da área.

Tradução: Izadora Pimenta

Veja ainda:

>> Novas chuvas fazem produtores argentinos desistirem de 100 mil ha de soja; 500 mil ha plantados estão comprometidos

Fonte: Noticias AgroPecuarias

0 comentário