Argentina deve produzir 64 mi t de soja em 2026/27

Publicado em 20/12/2017 17:17 368 exibições

A Bolsa de Comércio de Rosario (BCR) elaborou um boletim no qual analisa as projeções de safra e exportações de grãos para a próxima década, elaboradas pela Fundação Instituto para as Negociações Agrícolas Internacionais (Inai).

Se trata de uma entidade criada pela BCR em conjunto com as Bolsas de Buenos Aires, Bahía Blanca e Córdoba e que estima para a safra 2026/27 uma produção total de 142,8 milhões de toneladas de cereais e oleaginosas, 14% a mais do que os 125,3 milhões da última safra.

Um dado que chama a atenção, entretanto, é a projeção para o amendoim, um cultivo quase exclusivo de Córdoba: se espera que, em dez anos, a produção deva crescer 53%, passando de 1,14 milhões de toneladas para 1,75 milhões.

Este seria, portanto, o produto de maior crescimento, superando os 24% de expansão projetada para o girassol.

Entre os três principais cultivos (soja, milho e trigo), o os cereais ganharão em aumento produtivo em relação à oleaginosa, embora esta siga concentrando quase a metade da produção agrícola de todo o país, atingindo 64,058 milhões de toneladas, 13% a mais do que o total atual.

Tradução: Izadora Pimenta

Fonte:
Agrovoz

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário