Soja se recupera e opera em alta sustentada pela demanda

Publicado em 28/01/2011 14:11 851 exibições
A sexta-feira está sendo de extrema volatilidade para a soja na Bolsa de Chicago. Depois de encerrar em queda o pregão noturno de hoje, os preços voltaram a trabalhar com uma expressiva e significativa alta, retomando o patamar psicológico dos US$14 por bushel.

O suporte para o mercado vem da crescente e presente demanda, principalmente por parte da China. Hoje, o ministro do Comércio chinês anunciou que o país planeja aumentar suas importações de commodities agrícolas.

O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) anunciou também a venda de mais 110 mil toneladas de soja para a China, safra 2011/12.

O mercado frustrou as expectativas baixistas do mercado, que esperavam uma realização de lucros por conta da falta de novidades positivas.

Além da questão oferta x demanda, a greve dos portuários na Argentina também contribuem, uma vez que pode levar a demanda ser direcionada para as já escasssas reservas norte-americanas.

Na frente baixista, exercem pressão a entrada da safra brasileira e também a volta das chuvas em importantes regiões produtivas da Argentina.

Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário