Cultivares precoces de soja estão entre as mais produtivas no RS

Publicado em 28/07/2011 07:44 e atualizado em 05/03/2020 16:32 1036 exibições
As cultivares mais produtivas de soja da safra 2010/2011 no Rio Grande do Sul foram às de ciclo precoce, segundo relatório da Fundação Pró-Sementes e Sistema Farsul divulgado no último dia 21. Das 61 cultivares de soja transgênica e 19 de soja convencional avaliadas em 10 locais do Rio Grande do Sul, as cultivares precoces com período de 115 a 135 dias da emergência à maturação fisiológica demonstraram potencial produtivo maior do que as super precoces ou de ciclo médio. A cultivar mais produtividade atingiu 6.342 kg/ha em uma área irrigada, em Santo Augusto, enquanto a média no local foi de 4.501 kg/ha.

A pesquisa tem por base todas as cultivares de soja RR e convencional indicadas pelo zoneamento agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento para o Rio Grande do Sul. Os campos experimentais foram instalados em diferentes locais nas cidades de Cachoeira do Sul, Pedro Osório, São Gabriel, Uruguaiana, Santo Augusto, São Luiz Gonzaga, Julio de Castilhos, Passo Fundo e Vacaria e correspondem às quatro regiões sojícolas do estado, com diferença significativa em altitude, solo e clima.

Segundo o assessor agronômico da Fundação Pró-Sementes, Rui Colvara Rosinha, é importante que o produtor e a assistência técnica verifiquem também os resultados dos anos anteriores, presentes no relatório. Para a próxima safra estuda-se a implantação dos ensaios em duas datas de semeadura diferentes, sugestão apresentada por técnicos, o que irá ampliar a confiabilidade nos resultados obtidos.

As informações completas sobre o desempenho de todas as cultivares, contendo rendimento em quilogramas por hectare e em percentagem relação à média igual a 100, dias de emergência à floração e à maturação, altura de planta e datas da semeadura, emergência e colheita estão no www.fundacaoprosementes.com.br.

Tags:
Fonte:
AI Pró-Sementes

0 comentário