Faeg intermedeia acordo entre usinas e produtores

Publicado em 04/08/2014 11:46 333 exibições

Diante do impasse, por falta de pagamento, envolvendo usinas e produtores de cana-de-açúcar, a Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg) intermediou, na última semana, uma reunião entre as partes. Ficou acordado que 50% do valor será pago aos produtores ainda na safra 2014/2015 (de julho a outubro), 25% na safra 2015/2016 (de julho a outubro), e os outros 25% na safra 2016/2017 (de julho a outubro).

Por fim, a safra 2014/2015 será paga normalmente, sendo 80% no decorrer da safra e os 20% restantes no fechamento de safra.
Segundo o presidente da Comissão de Cana-de-Açucar da Faeg, Ênio Fernandes, e o consultor técnico da área, Alexandro Alves, agora, a proposta passará por uma análise jurídica para verificação de questões relacionadas às garantias reais.

Segundo o Grupo Farias, já havia sido feito um levantamento relativo a safras anteriores e à safra atual para identificação do montante da dívida com os produtores. No lado oposto, produtores alegaram que em outubro/2013 foi feito um acordo de pagamento futuro que não foi cumprido.

Além do não pagamento, produtores reclamaram que a proposta de 2013 possibilitou a busca de recursos externos para investimento em tratos culturais nas lavouras e consequente manutenção da produtividade, deixou a classe em situação ruim perante os credores.

Fonte:
Faeg

0 comentário