Açúcar: preços em NY reagem por dúvidas sobre a safra 17/18

Publicado em 09/05/2017 09:18 86 exibições

Os preços do açúcar reagiram na bolsa de Nova York nesta segunda (8), após acumularem queda de 3,35% na última semana, segundo informação divulgada no jornal Valor Econômico de hoje (9). O vencimento julho/17 valorizou sete pontos, fechando a sessão em 15.38 centavos de dólar por libra-peso. Na tela outubro/17, os preços se firmaram em 15.68 centavos de dólar por libra peso. As demais cotações também subiram.

"A valorização reflete as dúvidas sobre o potencial açucareiro da próxima safra conforme os preços do adoçante tornam-se cada vez menos remuneradores", diz a nota. Especialistas da Archer Consulting afirmaram ainda ao jornal que, apesar do quadro incerto para as usinas, acredita-se que o risco descendente do açúcar, nesse patamar de 15,31 centavos de dólar por libra-peso, é limitado.

Londres também fechou com valorização em todos os lotes ontem. Na tela agosto/17, a commodity subiu 1,50 dólar e foi negociada a US$ 442,80 a tonelada. Nos contratos para outubro/17 o aumento foi de 70 cents de dólar, com comercialização em US$ 430,80 a tonelada. Os demais vencimentos subiram entre 80 cents de dólar e 1,50 dólar.

Mercado interno

No mercado doméstico o açúcar voltou a subir na sessão de ontem (8), segundo o indicador do Cepea/Esalq, da USP. Com alta de 0,43% sob os preços praticados na sexta-feira, a saca de 50 quilos do tipo cristal foi vendida a R$ 76,87.

Etanol

O etanol hidratado continua em queda nas usinas paulistas, de acordo com os índices medidos pela Esalq/BVMF. O biocombustível foi vendido a R$ 1.505,50, baixa de 0,59% em comparação à cotação anterior.

 

Camila Lemos/Agência UDOP de Notícias

Fonte:
Udop

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário