USDA: Exportações semanais de soja e milho da safra 2014/15 recuam em uma semana

Publicado em 28/08/2014 12:16 587 exibições

O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) reportou nesta quinta-feira (28) novo boletim de vendas para exportação. Até a semana encerrada no dia 21 de agosto, as vendas semanais de soja referentes à safra 2013/14 vieram novamente negativas e totalizaram 62,8 mil toneladas.

Na semana anterior, o volume reportado pelo departamento foi de 89,7 mil toneladas negativas. No mesmo período, a venda da safra 2014/15 ficou em 1.290,8 milhão de toneladas, com destaque para a venda para a China, de 655 mil toneladas. Na última semana, o volume divulgado ficou em 1.420,6 milhão de toneladas.

O departamento também informou os números das vendas do farelo de soja. Da safra 2013/14, o número ficou em 1,1 mil toneladas, recuo expressivo em relação à última semana, de 99,8 mil toneladas do produto. Do mesmo modo, os volumes referentes à safra 2014/15 passaram de 78,6 mil toneladas, na semana anterior, para 76,1 mil toneladas. 

Para o óleo de soja, as vendas da safra velha ficaram em 11,3 mil toneladas negativas. Uma redução expressiva em comparação com a última semana, de 15,7 mil toneladas. Para a safra 2014/15, o número ficou zerado, e na semana anterior o volume foi de 5,0 mil toneladas.

Milho

No caso do milho, as vendas para exportação da safra 2013/14 ficaram negativas em 32,7 mil toneladas. Em contrapartida, na semana anterior, o número reportado pelo órgão norte-americano foi de 99,8 mil toneladas.

Para a safra 2014/15, no mesmo período, as vendas para exportação totalizaram 695,6 mil toneladas. O número está pouco abaixo do informado anteriormente, de 722,8 mil toneladas.

Trigo

As vendas para exportação do trigo ficaram em 403,6 mil toneladas, até o dia 21 de agosto. O volume representa uma alta de 94% frente a semana anterior, de 209,2 mil toneladas. O destaque foi o Brasil que adquiriu 94 mil toneladas do cereal.

Tags:
Por:
Fernanda Custódio
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário