Trigo: USDA reduz projeções para os estoques finais mundiais na temporada 2017/18

Publicado em 09/11/2017 14:19 1297 exibições

LOGO nalogo

O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) reportou nesta quinta-feira (9) seu novo relatório de oferta e demanda mundial para a cultura do trigo. A safra global 2017/18 foi estimada em 751,98 milhões de toneladas. O número ficou ligeiramente acima do indicado em outubro, de 751,19 milhões de toneladas.

Em contrapartida, os estoques finais mundiais recuaram de 268,13 milhões para 267,53 milhões de toneladas. Logo após o reporte das informações, os preços do trigo negociados na Bolsa de Chicago (CBOT) testavam leves ganhos. As principais posições da commodity exibiam altas entre 1,75 e 3,25 pontos. O dezembro/17 operava a US$ 4,30 por bushel e o março/18 a US$ 4,45 por bushel.

Ainda no boletim, o departamento manteve a projeção para a safra americana nesta temporada em 47,37 milhões de toneladas. Já os estoques finais passaram de 26,13 milhões para 25,45 milhões de toneladas. As exportações de trigo dos EUA subiram de 26,54 milhões para 27,22 milhões de toneladas.

Paralelamente, a safra do Brasil caiu de 5,10 milhões para 4,90 milhões de toneladas nesse ciclo. Os estoques finais do país também recuaram e passaram de 2,08 milhões para 1,68 milhão de toneladas. O órgão ainda reduziu as exportações de 1 milhão para 800 mil toneladas nesta temporada. Na contramão desse cenário, as importações de trigo do país subiram de 7,30 milhões para 7,50 milhões de toneladas.

Para a Argentina, o USDA manteve as estimativas para a produção e estoques finais em 17,50 milhões e 430 mil toneladas, respectivamente. As exportações ficaram em 11,70 milhões de toneladas, contra as 11,50 milhões de toneladas estimadas em outubro.

As exportações da União Europeia foram mantidas em 28,50 milhões de toneladas. Já a produção apresentou ligeira alta e foi estimada em 151,49 milhões de toneladas, frente as 151,04 milhões de toneladas projetadas anteriormente. Os estoques finais subiram de 11,28 milhões para 11,73 milhões de toneladas.

No caso da Rússia, o USDA elevou em 1 milhão de toneladas a perspectiva para essa safra, para 83 milhões de toneladas. As exportações foram projetadas em 33 milhões de toneladas. Em outubro, o número era de 32,50 milhões de toneladas. Os estoques foram mantidos em 17,33 milhões de toneladas.

As estimativas da Ucrânia ficaram em linha com o reportado pelo USDA em seu último boletim de oferta e demanda.

USDA - Trigo Novembro

Por:
Fernanda Custódio
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário