Frigoríficos no Vale do Araguaia (GO) escalando para 5/9, mas com espaço para compras de boi mais barato, mesmo distante

Publicado em 17/08/2018 15:09 1242 exibições
Marcelo Marcondes - Nelore Marcondes
Boi comum média de R$ 156/136 e europa (mais procurado pelos grandes confinamentos) a R$ 139. Leilões de safra com boa liquidez em animais puros, mas comerciais, com bezerro a até R$ 1.450 e garrote a R$ 1.750, o que mostra tendência pela busca de recria e engorda gado que gere eficiência.

Podcast

Entrevista com Marcelo Marcondes - Nelore Marcondes sobre o Mercado do Boi Gordo

Download

LOGO nalogo

Na região do vale do Araguaia/GO, os frigoríficos estão programando as escalas de abate para até o dia 5 de setembro. Entretanto, as indústrias estão de deslocando para outros municípios para compor os lotes com valores mais baixos.

De acordo com o diretor da Nelore Marcondes, Marcelo Marcondes, as escalas de abate estão confortáveis nos frigoríficos da região de Britânia/GO. “O que está vendendo muito hoje é o boi Europa por causa dos grandes confinamentos que se for boi rastreado não fecha a conta”, afirma.

Na localidade, as três maiores indústrias estão praticando preços para o boi balcão ao redor de R$ 135,00/@ a R$ 136,00/@. No caso do boi Europa, as referências estão próximas de R$ 139,00/@ e o boi cota Hilton está na faixa de R$ 141,00/@.

“Eu acho que o cenário hoje é de estabilização, já que há dez semanas o nível da arroba no Brasil estava subindo e nos últimos dias os preços não alteraram no estado do Goiás”, comenta.

Por:
Giovanni Lorenzon e Andressa Simão
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário