Lavouras de café nas principais regiões produtoras já estão com potencial produtivo comprometido para a próxima safra

Publicado em 11/09/2017 13:00 e atualizado em 11/09/2017 15:13
1714 exibições
Incremento na produção de café que poderia chegar a 10 milhões de sacas no próximo ano, já tem perdas estimadas de pelo menos 20% com atuais condições das lavouras
Confira a entrevista com José Braz Matiello - Eng. Agrônomo Fund. Procafé

LOGO nalogo

As lavouras de café sofrem um grande estresse neste momento, o que pode ser um complicador para a atividade no próximo ano. Era aguardada uma superssafra, mas a tendência é que, dependendo de uma condição em curto prazo, a superssafra pode estar prejudicada. Essa é a avaliação de José Braz Matiello, engenheiro agrônomo da Fundação Procafé.

Em função de um menor volume de chuvas, do calor, do frio e de algumas doenças, lavouras ficaram desfolhadas em várias regiões do país. A falta de água é grande e o solo não possui armazenamento suficiente, além de o ar contar com uma umidade baixa neste momento, levando a uma perda de água maior. Estes fatores, para Matiello, indicam uma deficiência de reservas para a frutificação da colheita em 2018.

A folhagem do café, como ele destaca, é a reserva da planta para passar por este período. Assim, pode não sobrar para a florada do café, que utiliza muita reserva. A medida em que a desfolha aumenta, reduz o número de frutos por ramo.

Ele diz ser difícil saber de antemão o quanto a próxima safra será menor do que o esperado. Tudo irá depender da retomada das chuvas. Variando de região para região, ainda há reserva para gastar em um período mais curto.

Para que as floradas ocorram e para que as plantas recuperem suas reservas, são necessárias chuvas de 20mm. "Se puder 40mm, melhor ainda", aponta o engenheiro agrônomo.

 

Por: Aleksander Horta e Izadora Pimenta
Fonte: Notícias Agrícolas

2 comentários

  • alexandre maroti nova resende - MG

    CAFÉ: Situaçao é critica, só nao vê quem n quer...

    0
    • LYNIKER DE LIMA SANTOSMACHADO - MG

      quem cultiva café sabe: Num ano ele te dá lucros bons, no outro ele te arranca as calças! Brincadeiras à parte, isso é a eterna incerteza do empreendedor agropecuário que depende do planeta colaborar para obter bons resultados. Espero não ter falado MUITA besteira..

      1
  • alexandre maroti nova resende - MG

    É realmente este aumento de produção pode ñ vir... e se o clima ñ colabora pode é diminuir a produção ... e ficar abaixo da ultima safra.

    0
    • ANTONIO MARCOS DO CARMOGUIMARÂNIA - MG

      E vamos torcer para que em janeiro não dê um veranico severo como já os climatologistas estão falando por conta da influência do laninha pra não afetar a granação do grão.

      1