Brasil Central deve receber chuvas mais bem distribuídas e volumosas a partir do final desta semana

Publicado em 11/11/2019 12:40 e atualizado em 11/11/2019 14:24
3099 exibições
Com o vórtice ciclônico que atua na região se dissipando, frentes frias que chegam pelo Sudeste conseguem avançar um pouco mais sobre o país. Ao mesmo tempo, a partir de sábado as chuvas no Sul do Brasil podem ficar mais amenas, aliviando o quadro para os produtores rurais.
Mamedes Luiz Melo - Meteorologista do Inmet

Podcast

Entrevista com Mamedes Luiz Melo - Meteorologista do Inmet sobre a Previsão do Tempo

Download

 

LOGO nalogo

Dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) indicam que ainda há uma má distribuição de chuvas entre a região Centro-Oeste, mas a previsão indica que as condições devem mudar ainda no final desta semana. Já a região Nordeste do país, as mudanças devem demorar um pouco mais de tempo para acontecer. "Não vem chovendo nem no leste e nem no interior da região Nordeste. E isso vai trazendo registros da umidade relativa do ar abaixo de 20%, especialmente no Oeste da Bahia e Piauí", explicaMamedes Luiz Melo - Meteorologista do Inmet. 

Mamedes explica ainda que a região ainda está sob a influência de uma massa de ar seco, que vem atuando junto com um vórtice ciclônico e impede que as chuvas avancem em outros pontos do país. "Isso intensificou e segurou toda essa frente fria que tentava avançar pela região Sudeste e escapou pelo litoral", afirma. Em contrapartida, segundo o Inmet, acumulou volumes em regiões como Sudeste e Sul do país. 

Os dois modelos de mapas para previsão de precipitação, utilizados atualmente pelo Inmet, indicam que os volumes mais concentrados de chuvas estão na região norte do Brasil e parte do Mato Grosso. Para a próxima terça-feira (12), os mapas mostram que as chuvas cessam na região sul do país, deixando os volumes mais expressivos para o norte do país. A partir de sábado as chuvas tendem a dar uma trégua na região sul do Brasil, aliviando o quadro para os produtores rurais da região. Confira a entrevista completa no vídeo acima

Chuva nos últimos três dias em todo o Brasil

Nos últimos três dias os maiores volumesde chuvas foram registrados nos estados do Mato Grosso do Sul, Minas Gerais Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. 

Segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet, no Rio Grande do Sul, foram registrados pontos entre 25 e 40 milímetros. O extremo sul do estado, que estava recebendo números expressivos de chuvas, teve uma trégua e não registrou números expressivos durante o final de semana. 

Em Santa Catarina os números de precipitação entre 30 e 50 na divisa com o Paraná. Já no Paraná, as chuvas atingiram a maior parte do estado, com precipitações entre 30 e 60 milímetros. 

No extremo sul do Mato Grosso do Sul, foram registrados números entre 30 e 50 milímetros de chuvas. Na divisa com Goiás, as chuvas ficaram entre 30 e 40 mm de precipitação. 

Veja o mapa de precipitação do período em todo o país:

Três dias - Inmet
Fonte: Inmet

Por: Carla Mendes e Virgínia Alves
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário