ENTREVISTA: Confira a entrevista com Daniel D Avilla - Analista de Mercado - NY-USA

Publicado em 24/02/2012 17:25 1727 exibições
Soja: produtor brasileiro deve começar a pensar em vendas com preços acima dos US$13,00/bushel. Números divulgados pelo USDA apontam para estoques apertados e qualquer problema na safra americana dará suporte às cotações.

3 comentários

  • RONALDO ZAMBIANCO Arapoti - PR

    Este mercado ta dificiu de entender, recbo uma noticia cedo que os numeros do USDA apontao estoque baixo, a tarde vem outra que as perdas ja preocupam e os estoques soa os mais baixos dos ultimos anos, e a soja pode passar de US$ 13,00 o buchel. ai fica dificil de dizer que as noticias podem ajudar. abraço

    0
  • Liones Severo Porto Alegre - RS

    Parabens ao meu amigo Daniel pela excelente entrevista. Voce tem razão bateram a semana inteira no mercado e os preços se sustentaram. fortes sintomas de mercado firme. Os numeros do USDA tambem apontam um aumento estupendo de consumo de todos os produtos agrícolas, portantp não poderiam mesmo divulgar numeros menores de produção e assim mesmo o cenário ainda é de aperto. Duvido que alcançarão os rendimentos estimados, afinal estão aumentando a área em terras marginais, antes do programa de conservação do solo, porque são terras poucos produtivas. Pois é, onde está GREENPACE que não se manifesta. Aliás, só faz isso aqui porque somos brasileiros ´bonzinhos`. abração.

    0
  • Rômulo Silva Campos Rio de Janeiro - RJ

    Interessante como a USDA está "atrás da curva". Olhando de perto, suas previsões indicam que no ano-safra 11/12 (out/11-set/12) a China importará 19 milhões de toneladas dos Estados Unidos. Com o dado de hoje de contratações semanais, a China já contratou 19,25 milhões de toneladas. Logo, a USDA espera que a China cancele 250 mil toneladas já contratadas até set/12. Normalmente, a China contrata cerca de mais 1 a 2 milhões de toneladas no período de março a setembro. Parecem estar muito defasados mesmo..

    Abraço!

    0