DA REDAÇÃO: Citricultor recebe R$6 pela caixa da hamlin em Cafelândia (SP)

Publicado em 17/05/2013 11:08 e atualizado em 17/05/2013 13:03 689 exibições
Laranja: Indústria oferece R$6 pela caixa de 40.8 kg da hamlin em Cafelândia (SP). Para empatar com custos de produção, citricultor deveria receber pelo menos R$11 pela caixa. Produtores já diminuíram área e devem deixar a atividade depois desta temporada, migrando para o cultivo de cana-de-açúcar.

A situação dos citricultores segue complicada e chega a ser “desesperadora”, segundo afirmação do produtor Antonio Magalhães Mello, de Cafelândia (SP). As indústrias oferecem R$6 pela caixa de 40.8 kg da variedade hamlin, valor que não cobre nem os custos com colheita e frete. De acordo com o citricultor, para empatar com os custos de produção seriam necessários ao menos R$11 pela caixa. 


No prejuízo, Mello já diminuiu seu pomar nesta temporada em relação à anterior e, para a próxima safra, a área plantada com laranja deverá ser totalmente trocada por cana-de-açúcar. De acordo com o produtor, a mudança de cultivo irá tirar muitos empregos na região, que já sente os efeitos da crise na citricultura. “Hoje o colhedor de laranja também está sofrendo, pois o produtor não tem condições de pagar o valor merecido pelo trabalho”, afirma. 

 

Por:
Ana Paula Pereira
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário