DA REDAÇÃO: Clima – Nova frente fria deve provocar chuvas na região Sul do Brasil na próxima semana

Publicado em 15/08/2013 13:45 e atualizado em 15/08/2013 17:03
475 exibições
Clima: Confira a previsão do tempo para as principais regiões produtoras do país. Acompanhe a participação de produtores com perguntas sobre o comportamento climático por todo o Brasil.

Nesta quinta-feira (15), a frente fria que estava sobre a região Sul do país avança pela costa da região Sudeste e deve chegar à Bahia nesta sexta-feira (16). A expectativa é que a massa de ar frio leve umidade ao Norte de Minas Gerais e Distrito Federal, no entanto, a possibilidade de chuvas é pequena. 

Entre as regiões Sul e Sudeste, o tempo deve permanecer firme. A sexta-feira (16) deve ser nublada entre Norte de SC até a faixa paulista em decorrência dos ventos que sopram do mar. A massa de ar polar ainda deve deixar as temperaturas mais baixas, mas amanhã já não haverá temperaturas abaixo de 5ºC na região do Sul, o que diminui o risco de novas geadas.

A tendência para os próximos dias é de precipitações na região Sul do Brasil, especialmente entre a terça e quarta-feira da próxima semana. As previsões climáticas indicam a chegada de uma nova frente fria e que deve ocasionar chuvas nos três estados da região.

A mesma frente fria deve avançar para o Sudeste, entretanto, não deve ocasionar chuvas expressivas, conforme destaca a meteorologista da Somar Meteorologia, Desirée Brandt. O mesmo deve acontecer nas regiões Centro-Oeste, Nordeste e toda a área desde o Tocantins até o Acre.

Já na próxima semana, uma nova frente fria chega à região e por volta do dia 28 de agosto deve provocar precipitações volumosas entre o Norte de Rio Grande do Sul, Oeste de Santa Catarina e Paraná. Além disso, as chuvas também deverão acontecer no Sul de Mato Grosso do Sul e podem chegar a 80 mm. 

“Essa frente fria deve ser mais intensa em relação às chuvas. E vai ter mais força inclusive no interior paulista e outras áreas de MS. No entanto, não deve ser tão expressivas, as precipitações mais volumosas devem ficar concentradas na região Sul do país e no Sul de MS. Já a região central do país deve permanecer com tempo mais seco”, afirma a meteorologista. 

Barra do Mendes (BA) – Este ano, as águas do Oceano Pacífico estão mais frias do que o normal, situação que deve refletir no atraso ou irregularidade das chuvas no segundo semestre. No interior da Bahia, as chuvas de trovoadas devem começar a acontecer, somente por volta do dia 20 de setembro. A tendência é que as pancadas de chuvas se tornem mais freqüentes na segunda quinzena do mês de outubro. 

“Os produtores devem ficar de olho na previsão de temperatura do Oceano Pacífico e do Oceano Atlântico, pois o comportamento da temperatura dos dois oceanos daqui para frente será muito importante para saber o que irá acontecer com o Nordeste no próximo ano. A preocupação é passar pelo terceiro ano de poucas condições de chuvas”, alerta Desirée.

Por: João Batista Olivi//Desirée Brandt//Fernanda Custódio
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário